Posted in:

Está com retenção de líquidos? Saiba as causas do problema e veja como tratá-lo!

Você percebeu um inchaço em algumas partes do seu corpo, como nas pernas e na barriga? Provavelmente, você está com uma retenção de líquidos. Ela é caracterizada pelo acúmulo de fluidos nos tecidos corporais e pode manifestar-se por inúmeras causas.

Desde doenças até o uso de remédios, podem ser os responsáveis por provocar esse armazenamento de líquidos. Embora todos estejam sujeitos ao problema, independentemente do gênero, ele é bastante frequente nas mulheres, uma vez que existe toda uma situação hormonal, seja durante o período menstrual ou gravidez.

Assim, para evitar ou se livrar desse problema, a princípio, é importante compreender o que pode estar causando ele, para então descobrir maneiras de se recuperar. Diante desse cenário, neste post explicamos os motivos e consequências, bem como formas de tratamento. Acompanhe!

O que causa a retenção de líquidos?

O corpo humano trabalha para garantir o bom funcionamento do organismo e manter o sistema atuando com equilíbrio. Entretanto, algumas situações podem acabar provocando instabilidades, fazendo com que as funções oscilem, gerando esse acúmulo.

Dentre os diversos fatores que causam o armazenamento de líquidos, estão:

  • beber pouca água;
  • sedentarismo;
  • ingerir muito sal;
  • gravidez;
  • reações alérgicas;
  • problemas renais e cardíacos;
  • doenças de tireoide;
  • alterações hormonais (na TPM, por exemplo);
  • determinados medicamentos, etc.

Até mesmo ficar por um longo período na mesma posição, deitado, em pé ou sentado, pode ser capaz de provocar a retenção hídrica! Por esse motivo, mantenha o corpo sempre em movimento.

Quais as consequências?

Para as mulheres mais vaidosas, o resultado da retenção é logo percebido: a barriga inchada e as temidas celulites. No entanto, esses são sintomas simples em comparação aos outros, como o inchaço nos pés e nas pernas.

Além disso, uma vez que o seu corpo está armazenando líquidos, o aumento de peso é muito comum nessa situação, bem como a redução do seu xixi. Afinal, se você não elimina os fluidos do seu organismo por meio da urina, eles permanecem retidos dentro do seu corpo.

Como posso tratar?

Primeiramente, é preciso saber quais os motivos do seu corpo estar retendo líquidos, já que as consequências sérias podem indicar questões mais graves. Por esse motivo, se em vez de apenas celulites, você perceber os joelhos inchados, por exemplo, é fundamental consultar um médico.

Ele é quem vai determinar o que está acontecendo por meio de exames e vai sugerir as melhores formas de tratamento. Contudo, no caso de sintomas mais leves, existem práticas que podem, de fato, colaborar para a melhora. Confira quais são elas, a seguir!

  • Praticar atividades físicas

Exercícios aeróbicos, como corrida, dança, pular corda, ciclismo, são uma boa alternativa para quem está em busca de se livrar dos líquidos armazenados. Além disso, são atividades interessantes para a perda de peso.

Sendo assim, essa é uma maneira de manter-se em movimento, evitando a retenção de líquidos, fugindo do sedentarismo e, ainda, dando as boas-vindas a um estilo de vida mais saudável.

  • Tomar bebidas diuréticas

Muito comuns entre as pessoas que estão em busca do emagrecimento, os chás diuréticos são excelentes para dar adeus ao acúmulo hídrico. Isso porque eles auxiliam na produção de urina que, quando eliminada, expele tanto as toxinas, quanto o líquido retido.

Além dos chás, também existem suplementos que colaboram para isso. É o caso da spirulina, que é responsável por limpar o intestino e ajudar a desintoxicar o organismo, acelerando o metabolismo e combatendo vigorosamente a retenção hídrica.

  • Fazer drenagem linfática

Esse é um tratamento muito comum e bastante procurado nas clínicas de estética. Seja utilizando equipamentos ou apenas as mãos, a drenagem é uma massagem cujo objetivo é, justamente, esse: eliminar os líquidos armazenados em excesso.

O profissional da clínica vai avaliar as pessoas e, de acordo com a situação de cada uma, determinará uma quantidade de sessões, a fim de promover os resultados desejados.

Ainda, é fundamental controlar o consumo de sal, dado que ele é um dos motivos do problema. Portanto, você pode reduzir a ingestão ou substituir por outros temperos. O importante é não exagerar.

Pronto! Agora você já sabe o que é a retenção de líquidos, além das causas e consequências, vai ficar mais fácil na hora de tratar. Todavia, se perceber os sintomas graves, como inchaço no rosto ou em apenas uma perna ou braço, por exemplo, é imprescindível procurar um médico, pois a situação pode indicar algo mais preocupante.

Gostou deste post? O que você faz para não ter retenção de líquidos? Deixe o seu comentário!

Compartilhe nas redes sociais!

Compartilhe, , Google Plus, Pinterest,

Por Suplementos Forma

Avatar

O Blog Suplementos Forma é especializado em testar suplementos alimentares. Contamos com mais de 1.200 relatos de suplementos nacionais e importados. Confira as melhores dicas de uso e experiência das 55 melhores marcas nacionais e importadas.

75 posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.